Notícias

Detalhe Notícia

Separador vertical Imprimir esta página Separador vertical Diminuir letra Aumentar letra
01/10/2020

Região de Santa Rosa dá início à colheita do trigo

Na região de Santa Rosa, teve início a colheita do trigo, que já atinge 1% da área cultivada em todo o Rio Grande do Sul, o restante das lavouras encontra-se em germinação e desenvolvimento vegetativo (2%); floração (20%); maturação (22%) e enchimento de grãos (55%).

De acordo com o Informativo Conjuntural, produzido pela Gerência de Planejamento da Emater/RS-Ascar, vinculada à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), e divulgado nesta quinta-feira (01/10), a última semana apresentou tempo seco, dias ensolarados, grande amplitude térmica e precipitações com intensidade variável no Estado, que contribuíram para o desenvolvimento da cultura. Em algumas localidades, nas regiões de baixadas, a queda acentuada de temperatura provocou a formação de geada de fraca intensidade, que não chegou a prejudicar os cultivos.

Os grãos das primeiras lavouras colhidas de trigo apresentaram pH abaixo de 78, considerado de baixa qualidade. As fortes geadas de agosto promoveram danos que reduziram a estimativa de produtividade. A dimensão do dano real está sendo avaliada com maior precisão durante as vistorias de Proagro, que já chegam a mais de 700 solicitações. As áreas afetadas correspondem às lavouras com variedades mais precoces e às implantadas na abertura do período de zoneamento agrícola de risco climático. A produção ainda está indefinida. Nas áreas que estavam em desenvolvimento vegetativo no momento das geadas, a recuperação evidencia muito bom aspecto.

CULTURAS DE VERÃO
As precipitações da semana favoreceram o desenvolvimento dos cultivos já implantados, contribuindo para o reestabelecimento dos níveis de umidade dos solos e para o aumento no volume dos reservatórios de água, principalmente para o cultivo da safra de arroz irrigado. Em geral, seguem os preparos de áreas para os cultivos de verão.

Na regional de Santa Rosa, os reflexos da estiagem do verão passado incidem nas decisões para a safra atual, com tendência de implantação precoce de lavouras. O início dos plantios está previsto para a segunda quinzena de outubro. Na de Ijuí, intensifica-se o preparo de áreas onde há culturas de cobertura de inverno. De acordo com o zoneamento agrícola de risco climático para a cultura, produtores estão optando por iniciar a semeadura a partir da segunda quinzena de outubro.

Os plantios do milho se intensificam no Estado. Algumas localidades ficaram impedidas de avançar devido ao risco de formação de geadas com a queda da temperatura e diante da distribuição irregular das precipitações que não permitiram alcançar as condições ideais de umidade dos solos.

OLERÍCOLAS
Na regional de Ijuí, a produção de olerícolas segue dentro da normalidade, com aumento no uso de irrigação. No município sede, o período é de recuperação dos estragos provocados pelo granizo da semana anterior, que atingiu importante região produtora. Neste local, os cultivos a campo tiveram perda total, e os cultivos protegidos sofreram danos consideráveis, impactando no abastecimento do município e da região.

Folhosas com crescimento mais rápido, apresentando folhas maiores e tenras. Segue a implantação da cultura da mandioca, com aumento da procura por ramas. O clima seco beneficiou as atividades de preparo das áreas, a montagem de canteiros e o controle manual de ervas. Os produtos que apresentaram alteração de preço na semana seguem abaixo; o dos demais ficou estável.

BOVINOCULTURA DE CORTE
A condição corporal e sanitária é muito boa entre rebanhos mantidos em pastagens de azevém e aveia. No sistema de campo nativo, os bovinos já apresentam condição corporal regular e com tendência de melhora.

O período reprodutivo destaca-se pelo nascimento dos terneiros, sendo necessária a vigilância diária dos produtores, havendo alguns registros de partos distócicos de novilhas.

Assessoria de Imprensa da Emater/RS-Ascar
Jornalista Taline Schneider
51-99918-6934
www.emater.tche.br
www.facebook.com/EmaterRS
https://twitter.com/EmaterRS
www.youtube.com/EmaterRS
Instagram: @EmaterRS
tv.emater.tche.br