Emater de A a Z

Área Técnica

Sistemas Agroflorestais

Separador vertical Imprimir esta página Separador vertical Diminuir letra Aumentar letra

Os Sistemas Agroflorestais (SAF) são sistemas de produção que incorporam elementos arbóreos/arbustivos com culturas anuais, plantas bioativas, frutíferas, pastagens e/ou criações em uma mesma unidade de produção, ao longo do ciclo de desenvolvimento florestal, possibilitando geração de renda e segurança e soberania alimentar com conservação ambiental para as atuais e futuras gerações.

Na Emater/RS-Ascar, preconizamos a adoção de SAF que estejam adequados à matriz produtiva regional, de forma a agregar sustentabilidade, entendida sob a perspectiva do tripé “Ambiental, Social e Econômico”, aos sistemas de produção estabelecidos nas diferentes regiões do Estado do Rio Grande do Sul.

Missão: Estimular e consolidar ações de assistência técnica e extensão rural (Ater) em SAF como uma forma de alcançar agroecossistemas sustentáveis, visando ao fortalecimento da agricultura familiar.

Visão: Ser um referencial na construção do conhecimento e na implementação de SAF de forma participativa, tendo o reconhecimento dos públicos interno e externo, preconizando o desenvolvimento rural sustentável.

Valores:

  • Sustentabilidade nas dimensões ambiental, econômica, social e ética;
  • Postura participativa, diálogo com comunidades e saberes;
  • Reconhecimento das ações como processo;
  • Fortalecimento da organização social;
  • Fromoção da biodiversidade.

Objetivo geral:

Promover a adoção e fortalecer os SAF visando alcançar agroecossistemas sustentáveis para a melhoria da qualidade de todas as formas de vida.

Objetivos específicos:

  • Sistematizar experiências locais e regionais em SAF
  • Estimular e promover a adoção de SAF como oportunidade de adequação legal/ambiental da propriedade
  • Capacitar técnicos da Ater e parcerias em SAF
  • Buscar a utilização de elementos da biodiversidade regional na composição dos SAF

Metas:

  • Estabelecimento da metodologia para a sistematização de experiências em SAF junto à GPL
  • Sistematização de 10 experiências em SAF (1 por região)
  • Realização de 1 reunião regional para sensibilização de técnicos e de 1 evento para sensibilização de parceiros regionais
  • Realização de 10 cursos de 16 horas para a capacitação de 100 técnicos (01 evento por região)
  • Implantação de 10 UD em SAF (01 por região)
  • Promoção de 10 tardes de campo (01 por região)

Estratégias:

  • Reunião GET/GPL para estabelecer metodologia, instrumentos, cronograma, recursos e orientações para a sistematização de experiências em SAF
  • Estruturar os conteúdos dos cursos junto às áreas de agroecologia, silvicultura e fruticultura, entre outras
  • Buscar estratégias de capacitação à distância
  • Apresentar a proposta de desenvolvimento de SAF nos conselhos municipais de desenvolvimento rural ou correlatos
  • Viabilizar propostas de SAF dentro dos projetos e programas já existentes nos âmbitos federal, estadual e municipal
  • Realizar encontros estaduais da rede temática de SAF, oportunizando intercâmbios técnicos entre os regionais

Responsáveis pelas Informações

Antonio Carlos Leite de Borba
Dirceu Luiz Slongo
Francisco Manteze

O RS é o Estado que apresenta o maior consumo per capita de flores. O cultivo de flores para fins comerciais ainda se concentra em poucos municípios, poucos produtores e pequena área, mas está em rápida expansão.

A participação na Câmara Setorial da Floricultura Brasileira, somada à organização dos floricultores gaúchos em diversas associações de âmbito regional e estadual, garante aos produtores gaúchos espaço no cenário nacional da floricultura através da participação na Câmara Nacional da Floricultura.

Objetivo

O trabalho de assistência técnica e extensão rural (Ater) deve priorizar e dar suporte à organização dos floricultores na busca das soluções de mercado e acesso aos insumos necessários à atividade.

Principais ações

  • Apoio à organização dos produtores e da comercialização
  • Facilitar aos produtores o acesso à tecnologia de produção de domínio no Estado ou em outros estados produtores.
  • Facilitar ao produtor o acesso a informações de mercado através dos escritórios municipais e com o suporte da plataforma de comercialização sediada na Ceasa/RS

Responsáveis pelas Informações

Antônio Conte
Valtair Niemeier

Políticas Públicas

Federal

  • Pronaf
  • Chamadas públicas - Territórios da Cidadania
  • Programa de Ates/Reforma Agrária - Incra
  • Seguro Agrícola da Agricultura Familiar/Proagro

Estadual

  • Programa de Irrigação da Agricultura Familiar/SOPS
  • Programa de Agricultura de Base Ecológica do RS/SDR
  • Projeto de Fortalecimento das Agroflorestas no RS/UFRGS e Emater/RS
  • Projeto RS Biodiversidade - SIGBIO/Sema-RS